Motorista de caminhão perde controle e mata a própria mulher atropelada

Uma comerciante morreu atropelada pelo caminhão dirigido pelo próprio marido em Juiz de Fora, na Zona da Mata mineira, na tarde desta quarta-feira (13). A vítima, que tinha 30 anos, trabalhava com o companheiro em uma distribuidora de água.

O acidente ocorreu na rua Doutor Constantino Paleta, que fica no centro da cidade.


Conforme o Batalhão de Trânsito, o caminhão estava estacionado em uma leve descida e tinha um calço de madeira na roda da frente. Por volta das 14h, o caminhoneiro entrou na cabine enquanto a comerciante retirava o apoio. Segundos depois, enquanto a vítima se afastava, o motorista percebeu o problema nos freios e não conseguiu evitar que o caminhão descesse cerca de 20 metros sem controle.

Nesse momento, ele atingiu a comerciante em cheio e a esmagou em um muro. Não houve tempo para o socorro. O motorista foi atendido em estado de choque e, como ficou caracterizado o acidente, não foi levado para a delegacia.

Segundo a PM, nenhuma outra pessoa foi atingida. O muro de um estacionamento vizinho ficou danificado com a batida.